• CORONAVÍRUS
  • RH Bahia
  • RH Bahia
  • Casa Nova
  • Bahia estado voluntário
  • Bahia estado voluntário
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Carnaval

13/02/2020 13:02

Bloco Fique de Olho arrasta centenas de pessoas no Bairro de Fazenda Coutos

O Bloco Fique de Olho não para! Nesta quinta-feira (13) foi a vez do bairro de Fazenda de Coutos, localizado no Subúrbio Ferroviário de Salvador, receber o bloco que leva informação e conscientização sobre o trabalho infantil e a exploração sexual de crianças e adolescentes para a população.

A campanha, “O Trabalho Infantil e a Exploração Sexual não aparecem como esta campanha”, da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), tem recebido apoio de centenas de pessoas que passavam pelas ruas de Coutos. 

Comerciantes, crianças, jovens, idosos, escolas, grupos de convivência e a comunidade em geral abraçaram a causa e se uniram ao bloco para reforçar a mensagem.
“É incrível como a campanha é facilmente abraçada pela população. Isso nos dá a certeza de que não estamos sozinhos nessa luta, estamos todos na defesa integral dos direitos da infância e juventude. Muito bonito ver as ruas de Fazenda Coutos sendo tomadas pela conscientização do Bloco Fique de Olho”, afirmou o secretário da SJDHDS, Carlos Martins, que acompanhou o desfile. 

O percurso contou com muita animação, diálogo e distribuição de materiais informativos. A música ficou por conta da cantora Brenda Cruz, ex-integrante do programa NEOJIBA, junto aos meninos e meninas da percussão da Banda Marcial da comunidade.  

Adesivos foram colocados em lojas e outros estabelecimentos da região para marcar a passagem do bloco, além da distribuição de panfletos e ventarolas para todos que passavam pelas ruas caminhando e nos transportes públicos. 

Proprietária de uma loja de roupas e moradora do bairro, Michele Silva, de 44 anos, contou que vai ficar alerta e, se presenciar algum caso de trabalho infantil e exploração sexual, irá denunciar através do disque 100. “É bom que esse adesivo fique exposto nas lojas para que todos fiquem atentos. Lugar de criança é nas creches e escolas, e não trabalhando e sendo explorada”, afirmou. 

Durante toda a semana, o “Bloco Fique de Olho!” estará em outros bairros de Salvador. Nesta sexta-feira (14), é a vez do Nordeste de Amaralina receber a campanha, a partir das 8h. 

Acompanhe a SJDHDS nas redes: FacebookTwitter, Flickr e Instagram.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.