• Banner do Neojiba
  • Sei Bahia
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • .
  • .
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Corra pro Abraço

O Programa Corra pro Abraço é uma iniciativa da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) do Estado da Bahia, coordenada pela Superintendência de Políticas sobre Drogas e Acolhimento a Grupos Vulneráveis, que tem como objetivo promover cidadania e garantir direitos de usuários de drogas em contextos de vulnerabilidade social, baseado nas estratégias de Redução de Danos físicas e sociais, aproximando seus beneficiários das políticas públicas existentes e entendendo que o estigma e as desigualdades interferem em suas capacidades de busca, acesso e acolhimento pelos serviços públicos.

O Programa possui em cada campo de atuação equipes multidisciplinares, compostas por assistentes sociais, psicólogos, educadores jurídicos, cientistas sociais, pedagogos, arte-educadores, educomunicadores e tem como público prioritário pessoas em situação de rua e jovens que residem e transitam em territórios com altos índices de violência e problemas sociais.

O “Corra” existe desde 2013 e tem como marca uma atuação que aceita e acolhe as pessoas da forma que elas se apresentam ao mundo, com respeito ao seus modos de vida, e tendo como princípios norteadores o acolhimento, a construção de vínculo e a escuta qualificada. A entrada e a permanência nas áreas onde o programa se desenvolve, se dão através de um processo de aproximação respeitoso e cuidadoso. Atualmente, o Programa está em: Salvador, Lauro de Freitas e Feira de Santana.

Dentro de sua metodologia, o Corra Pro Abraço realiza atividades de arte-educação, com recortes para cada público. São oficinas de leitura e escrita, teatro e música, atividades esportivas, cursos profissionalizantes e encaminhamentos para o mercado de trabalho. A equipe também acompanha os beneficiários em passeios pela cidade à lugares nunca ou pouco visitados diante de suas condições. O Programa também realiza intervenções culturais em cenas de uso de drogas e concentração de pessoas em situação de rua.

A iniciativa estadual também se tornou um importante instrumento de promoção do acesso à Justiça, através de um trabalho de articulação entre os usuários acompanhados e a rede judiciária. Funcionando como uma “ponte”, contribui na articulação da rede de atenção psicossocial e na formação político-cidadã de seus assistidos, por meio da participação em seminários, conferências, audiências públicas, bem como a realização de debates sobre direitos, intersecções de gênero e raça, acesso à justiça e à saúde, entre outros temas.

No que tange o direito à saúde, o Programa visita semanalmente pessoas em áreas com alto índice de vulnerabilidade oriundo do uso abusivo e nocivo de drogas. É feita uma estratégia de prevenção e tratamento de algumas doenças infectocontagiosas, como tuberculose, hepatites e HIV/aids. Além de feiras de saúde, acompanhamento do pré-natal com apoio dos Consultórios na Rua, distribuição de preservativos entre outros insumos e articulação da rede para atender as demandas do cuidado.

O “Corra” também integra o Grupo de Trabalho Saúde e Cidadania do Centro Histórico de Salvador e o Grupo de Trabalho Materno-infantil, ambos da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) em parceria com outros órgãos e a sociedade civil.


Objetivos específicos:

Levar cuidado para a rua, baseado no princípio do Cuidado Integral que deve ocorrer no espaço possível para os sujeitos, superando a lógica dos serviços de alta exigência, produzindo espaços de baixa exigência;

Intervenção e orientação individual e grupal em Redução de Riscos e Danos à saúde nas cenas de uso e de tráfico de drogas;

Promover o acesso da população em situação de rua e usuários de drogas aos serviços e programas governamentais, ampliando e qualificando seus acessos;

Propiciar aos seus públicos prioritários, vivências voltadas para prática de redução de danos, prevenção ao uso abusivo de drogas, resgate da autoestima e construção de projeto de vida;

Oferecer Encontro, Implicação, Espaços de Convivência e Sociabilidade, estimulando a criação de laços e vínculos afetivos e efetivos, entre beneficiários dos serviços e técnicos, a partir de experimentações artísticas e esportivas;

Contribuir para o fortalecimento dos equipamentos da rede de atenção e cuidado à usuários de substâncias psicoativas, de forma a promover a construção de novas tecnologias sociais de acesso para estas pessoas.

Territórios de atuação:

O Corra pro Abraço atende às diretrizes do Plano Viver sem Drogas, do Pacto pela Vida, e tem como entidade gestora a ONG Comunidade Cidadania e Vida (Comvida). Além da coordenação do programa, a Comvida é a instituição responsável pelo gerenciamento das ações com foco em população em situação de rua, no Centro Antigo e Cidade Baixa de Salvador, nas Audiências de Custódia do Núcleo de Prisão em Flagrante do Tribunal de Justiça da Bahia e as voltadas para jovens no bairro de Itinga, em Lauro de Freitas. Já a Cipó Comunicação Interativa é a organização responsável pelo trabalho em áreas com Bases Comunitárias de Segurança de Salvador, em Tancredo Neves, Nordeste de Amaralina e bairros do Subúrbio e a Associação Cristã Nacional (ACN) pela atuação com a população em situação de rua em bairros de Feira de Santana.

Corra Rua - Salvador: Aquidabã - Baixa dos Sapateiros, Baixa do Fiscal, “Praça das Mãos” - Comércio, Largo dos Mares - Mares e “Pela Porco” - 7 Portas (Brotas).

Corra Rua - Feira de Santana: Kalilandia, Cidade Nova, Praça da Matriz - Centro, "Fundo do Tênis" - Centro, Av. Presidente Dutra - Rodoviária e Centro de Abastecimento - Centro

Corra Juventudes - Salvador: Fazenda Coutos, Nordeste de Amaralina, Plataforma e Tancredo Neves.

Corra Juventudes - Lauro de Freitas: Itinga.

Núcleo de Prisão em Flagrante: Fruto de uma parceria entre o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia e a SJDHDS, a equipe multiprofissional que atua no NPF acompanha pessoas em situação de vulnerabilidade social, que após passarem pela audiência de custódia são encaminhadas por meio de decisão judicial para serem acompanhadas nas demandas de Saúde, Assistência e Justiça. O Programa é uma das alternativas.

Ponto de Cidadania: É uma unidade de acolhimento e cuidado, promoção da saúde e da cidadania, destinado às pessoas em situação de rua, usuários de álcool e outras drogas, que se encontram em condição de extrema vulnerabilidade. Possui contêineres nas regiões do “Pela Porco”, Brotas e “Praça das Mãos”, Comércio, ambos em Salvador, ofertando aos beneficiários espaço para banho, entrega de kit higiene e escuta técnica qualificada.

corraContatos do Corra Pro Abraço:

SSA - Telefone: (71) 3493-3004 | Endereço: R. Arquimedes Gonçalves, 154 - Nazaré, Salvador - BA, 40050-300

LFS - Telefone: (71) 3252-9367 | Endereço: Avenida São Cristóvão, 266, Lauro de Freitas, Bahia. CEP: 42700-000.

FSA - Telefone: (75) 3225-3932 | Endereço: Rua Estados Unidos, 145, Centro, Feira de Santana - Bahia, CEP: 44001-328.

E-mail: comunicacaocorra@gmail.com
Instagram: @programacorraproabraco
Facebook - @corraproabraco
Twitter: @corraproabraco
Flickr: @corraproabraco
Recomendar esta página via e-mail: