• CORONAVÍRUS
  • RH Bahia
  • RH Bahia
  • Casa Nova
  • Bahia estado voluntário
  • Bahia estado voluntário
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Justiça Social

26/06/2020 10:06

São João da Prevenção deu o tom das celebrações juninas nas unidades da Fundac

Com máscaras no rosto e respeitando o distanciamento social recomendado pelos órgãos de saúde, os adolescentes e jovens que cumprem medida socioeducativa na Bahia celebraram o São João da Prevenção, nesta quarta-feira (24). Além do arrasta-pé, da decoração tradicional e das brincadeiras típicas, os educandos também puderam aprender um pouco mais sobre a história da festa e explorar dotes artísticos desenvolvidos ao longo das atividades pedagógicas existentes nas Comunidades de Atendimento Socioeducativo (Cases).

A decoração da festa ficou por conta dos socioeducandos, sob a supervisão da equipe de instrutores, assim como a produção das comidas típicas. Na Case Cia, por exemplo, o bolo de aipim servido durante a festa teve seu principal ingrediente plantado e colhido pelos adolescentes e jovens na horta da unidade. De acordo com a gerente interina da Case, Agnes Prates, a festa foi pensada com foco na prevenção ao novo coronavírus. Para tanto, as atividades foram realizadas em dois turnos, com jovens de alojamentos distintos e respeitando o distanciamento social.

O tema ‘prevenção’ também deu o tom da festa realizada pela Case Zilda Arns. Com o tema Xô Covid, a confraternização reuniu educandos e equipe técnica em apresentações de dança tradicional, em um clima descontraído e regado com muita comida e animação.

Com o projeto ‘Ser Tão Sertão’, os educandos da Case Salvador tiveram festejos de São João voltados para a tradição da cultura popular, com mostras sobre os hábitos e personagens típicos, além dos ritmos e instrumentos mais usados no período.

As Cases Mello Mattos e Irmã Dulce também entraram no clima junino e proporcionaram momentos de alegria e descontração aos adolescentes e jovens, com exposição de cordel e apresentação musical. Já na Feminina, além de toda a celebração típica, também houve distribuição de máscaras artesanais de chita. “Todas elas produzidas pelas adolescentes, durante oficinas de corte e costura, realizadas na unidade”, afirmou Luciana Lima, gerente da Case Feminina.


Acompanhe a SJDHDS nas redes: FacebookTwitter, Flickr e Instagram.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.