• RH Bahia
  • RH Bahia
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Direitos Humanos

08/02/2019 17:02

SJDHDS encerra participação na 11ª Bienal da UNE com oficina de Turbantes

Nesta sexta-feira (8), encerrado a participação na 11ª Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE), no campus de Ondina da UFBA, em Salvador, o Conselho Estadual de Juventude (Cejuve), em parceria com a Coordenação de Políticas para a Juventude (Cojuve), órgãos ligados a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), realizou uma oficina sobre turbantes, intitulada “Identidade e Ancestralidade”, que objetivou fortalecer o empoderamento da mulher negra no Brasil.

Numa conversa com mulheres, jovens e estudantes, a temática da transição capilar para fortalecimento da identidade, cultura e historicidade do povo negro foi discutida para contextualizar a importância e o significado no uso dos turbantes.

“Nosso cabelo é uma questão de resistência política e social, de combate e enfrentamento ao racismo. E o turbante também está inserido nesse contexto de preconceitos, pois, muitas vezes, somos rotuladas por estarmos usando o acessório que é tão importante para a nossa formação estética e religiosa. Por isso, a importância de estarmos aqui, num espaço de saberes, para continuarmos lutando pela desconstrução desses preconceitos”, afirmou a oficineira Sheyla Klícia, especialista em História, Cultura Afrobrasileira e Indígena.

A estudante do Pará, Gleice Ferreira, 28, há quase dois anos começou a assumir os cabelos enrolados. “Tudo começou com travessura de criança, meu filho, enquanto dormia, cortou todo o meu cabelo que era alisado. A partir daquele momento, resolvi, de vez, cortá-lo e assumir a minha verdadeira identidade. Hoje não vivo mais sem meus cachos, e estou aqui para aprender a como deixá-los mais bonitos com o uso dos turbantes”, declarou a jovem.

Após o bate-papo, o público aprendeu como montar diferentes modelos de turbantes (trança, ponta enrolada, tipo faixa, e volume total) para diferentes tipos de penteados, tendo, ainda, dicas de melhores tecidos para cada modelo escolhido.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.