• RH Bahia
  • RH Bahia
  • Casa Nova
  • Prêmio Boas Práticas
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Defesa do Consumidor

22/01/2019 17:01

Procon-BA discute com outros órgãos a fiscalização do Carnaval de Salvador em 2019

A Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA), órgão vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), realizou, nesta terça-feira (22), uma reunião de preparação para a Operação "Carnaval Para Todos 2019". O objetivo do encontro foi articular as ações de fiscalização preventiva de estruturas, produtos e serviços prestados durante a folia.

O encontro contou com a participação do Corpo de Bombeiros, do Conselho Regional de Engenharia (Crea-BA) e da Superintendência dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Sudef), também da SJDHDS e responsável pela fiscalização da acessibilidade montada na festa, seja na rua ou nos camarotes, garantindo um carnaval democrático.

"O nosso objetivo com este encontro é garantir que todas as ações de fiscalização sejam realizadas da maneira mais articulada e integrada possível, garantindo que o Carnaval de 2019 seja acessível, seguro e confortável para os milhões de baianos e turistas que ocupam as ruas de Salvador", afirmou Filipe Vieira, superintendente do Procon-BA.

O grupo discutiu ainda o acompanhamento e fiscalização da comercialização de abadás e festas privadas, além das montagens das estruturas dos camarotes, principalmente para garantir a acessibilidade e segurança nestes espaços.

Entre os pontos debatidos estão a análise dos projetos, passando pela execução e finalização; a questão das montagens das estruturas, observando pontos como equipes e medidas contra incêndio e administração de crises; além de observação de rotas de fugas e emergência em locais públicos e privados.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.