• RH Bahia
  • RH Bahia
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Direitos Humanos

10/01/2019 10:01

Reunião do Conselho Estadual da Pessoa Idosa discute temática de conferência

Aconteceu nesta quarta-feira (9), na Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), uma reunião realizada pelo Conselho Estadual da Pessoa Idosa (CEPI/BA) para discutir os preparativos da 5ª Conferência dos Direitos da Pessoa Idosa, prevista para acontecer a partir de março, nos diversos territórios da Bahia. A etapa estadual, será realizada no mês de junho, em Salvador.

Com o tema “Os desafios de envelhecer no século XXI”, a conferência abordará assuntos como: moradia, saúde, mobilidade, assistência social, previdência, cultura, esporte e lazer. Além de questões relacionadas ao enfrentamento da violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa e o papel dos conselhos de direitos na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas, dentre outros temas.

"As Conferências de Direitos das Pessoas Idosas são espaços amplos e democráticos de reflexão, discussão e articulação coletivas em torno de propostas e estratégias que apontam diretrizes para as várias políticas setoriais", explica Célia Ramos, Coordenadora da Pessoa Idosa da SJDHDS, reafirmando ainda que a principal característica dessa Conferência é reunir representantes do governo e da sociedade civil organizada, especialmente das próprias pessoas idosas, para debater os principais desafios e decidir as prioridades para as políticas públicas que refletem no envelhecimento da população e na condição de vida das pessoas idosas, atualmente e nos próximos anos.

Além dos membros do CEPI, estiveram presentes no encontro integrantes da Assessoria de Comunicação (Ascom) da SJDHDS que apresentou a identidade visual do evento e das peças publicitárias que serão produzidas. O material expressa a diversidade de pessoas idosas que vivem nos territórios de identidade do Estado da Bahia, em suas crenças, costumes e rotinas.

 
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.