• RH Bahia
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Segurança Alimentar

08/11/2018 11:11

No último dia de plenária, Consea-Ba discute prioridades do biênio 2018/2020 com novos conselheiros

Nesta quarta-feira (07), em seu último dia de encontro, a 1ª plenária do ano do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional da Bahia (Consea-Ba), vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), discutiu definições das prioridades do biênio 2018/2020 e recomposição da coordenação executiva.

O encontro, que começou ontem (6) e aconteceu no Grande Hotel, na Barra, teve como principal temática o balanço das ações do Plano Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), correspondente ao período de 2015 a setembro de 2018. Entre os principais objetivos estão o fomento à produção e ao abastecimento alimentar dos territórios a partir do fortalecimento da agricultura familiar, da agroecologia e da economia solidária.

Para o presidente do Consea-Ba, José Moacir, discutir e avaliar o plano para os novos e antigos conselheiros torna possível a discussão e melhoria das ações do Conselho. "Nós estamos discutindo dados de avaliação na questão da efetividade do plano de monitoramento alimentar, o que nos ajuda a planejar os próximos anos", disse.

Entre as novidades está a criação de um sistema de monitoramento para smartphones, pioneiro entre os Conseas, que permite, aos conselheiros, o acesso à execução e o monitoramento ágil da política, garantindo maior alcance e efetividade das ações.

Para a nova integrante do conselho, Luciana Santos, ter a formação garante que o conselheiro entenda como funciona os planos de ações do Consea. "Ter a formação possibilita que o novo conselheiro entenda qual é o espaço que ele está se inserindo, quais são as atribuições do conselho e de que forma podemos colaborar nesse processo”, pontuou.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.