• Banner do Neojiba
  • RH Bahia
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • .
  • .
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Desenvolvimento Social

04/04/2018 15:04

Fanfarra: Reitor Miguel Calmon é mais uma escola de Simões Filho beneficiada com entrega de instrumentos


Mais uma escola de Simões Filho foi contemplada com a entrega de 15 instrumentos de sopro para fanfarra, na tarde desta terça-feira (3). A entrega, realizada pelo secretário de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Carlos Martins, beneficiou a fanfarra Banda Show Contemporânea da Bahia, do Colégio Estadual Reitor Miguel Calmon. O evento contou com a participação da diretora da escola, Nilzete Gomes, professores e alunos da rede, além da representante da Secretaria de Educação, Néia Andrade.
O secretário elogiou a presença da cultura, da arte e da música no ambiente escolar da unidade. “Vejo que esta escola respira cultura, a exemplo dos muros coloridos com o grafite. É maravilhoso quando a arte e a música fazem parte das atividades pedagógicas da unidade de ensino”, pontuou Martins.

A Show Contemporânea completa, este ano, 16 anos e conta com 80 integrantes, entre alunos de todas as séries, além de moradores da comunidade. A fanfarra foi campeã baiana, na modalidade “banda marcial com evolução”, uma categoria que trabalha com temáticas. “Nossa temática, no repertório, são canções infantojuvenis dos anos 80 e 90. Já na fantasia, nossa inspiração é a corte inglesa, sempre trabalhando com as cores amarelo e lilás”, explicou Elsimar Santana, instrutor há dez anos da banda.

Além dos instrumentistas, o balé também integra a fanfarra Banda Show. “Amo dança, meu sonho é me profissionalizar nessa área. Quero ter um futuro de sucesso e muito feliz fazendo aquilo que tanto me faz bem”, afirmou a jovem Patrícia Santiago, 19.

Há também outras revelações na música no Miguel Calmon. O jovem Diego Sousa, 15, aprendeu a tocar piano com ajuda de amigos e da internet. Tendo o compositor alemão Beethoven como inspiração, pretende fazer do hobby uma ponte para sua profissão no futuro. “Quero entrar numa escola de músicos pianistas. O som do instrumento me emociona e me motiva a querer aprender cada vez mais”, disse ele, emocionado.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.