• Banner do Neojiba
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • .
  • .
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Direitos Humanos

12/02/2018 14:02

Plantão Integrado divulga balanço parcial de ocorrências no Carnaval de Salvador

O Plantão Integrado da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), em parceria com outros órgãos e entidades, divulgou nesta segunda-feira (12) o primeiro balanço de dados do carnaval. Os números foram apresentados pelo secretário Carlos Martins .

Entres os dias 08 e 10 de fevereiro, foram registradas 896 ocorrências pelas equipes que atuam de forma fixa no Plantão e também pelas equipes móveis, que vão às delegacias, postos de saúde e outros locais. Desse total, 69% (617) aconteceram com crianças de até 11 anos.

Nas ocorrências que representam risco social para crianças e adolescentes, a principal natureza foi o trabalho infantil, com 96 registros, seguido por violência fisica, com 19 casos. Das 896 ocorrências registradas pela Central de Gerenciamento de Dados, 166 casos, ou seja, 19% representam situações de risco social sofridas pelascrianças e adolescentes.

A situação de vulnerabilidade social foi a que registrou mais da metade de todas as ocorrências. Neste fator se encaixam crianças e adolescentes que estão acompanhando as atividades laborais desempenhadas pelos familiares ou responsáveis. Durante os três primeiros dias do carnaval, um total de 485 crianças e adolescentes, ou seja, 54%, foram registradas nessa situação.

Este ano, os casos de pais e responsáveis que deixam os filhos nos centros de convivência aumentou significativamente. Foram mais de 202 casos (23% do total) de acolhimento de crianças e adolescentes nestes locais, que são de responsabilidade da Prefeitura Municipal de Salvador. 

Até sábado (10), os técnicos de campo do Adolescente Proteja!, em atuação nas Delegacias do Adolescente Infrator (DAI), registraram um total de 15 apreensões de adolescente em suposto ato de cometimento de ato infracional. Em sua maioria, os adolescentes foram apreendidos por motivo de briga e, posteriormente, liberados com os responsáveis. 

O trabalho no Plantão reúne, além da equipe de profissionais da SJDHDS, o CEDECA, Conselho Tutelar, Guarda Municipal, Semps, SPMJ/Fundação Cidade Mãe e conta com articulação diária com outros órgãos, a exemplo do Ministério Público e da Defensoria Pública.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.