• Banner do Neojiba
  • 11ConferenciaAssistenciaSocial
  • marca do passe livre
  • Dia das Crianças - Secretaria lança campanha Bote Fé no Futuro
  • .
  • .
  • Campanha Respeita As Mina
  • PAA  Leite - Cadastramento
  • Diário Oficial
  • Transparência Bahia
  • Compras Net

Assistência Social

09/11/2017 09:11

Ato político abre a Conferência Estadual de Assistência Social

Mais de 1200 pessoas, entre assistentes sociais, secretários municipais, demais trabalhadores e usuários do SUAS de toda a Bahia estiverem presentes, nesta quarta-feira (08), na abertura da 11° Conferência Estadual de Assistência Social, que acontece até a próxima sexta-feira, no Gran Hotel Stella Maris, em Salvador.

A luta pela garantia de direitos e o fortalecimento do SUAS é o tema do evento, que foi aberto oficialmente em um ato político com a presença do secretário de Justiça Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Carlos Martins, que também é presidente do Conselho Estadual de Assistência Social; da secretária de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Olivia Santana; da ex-ministra de Desenvolvimento Social (MDS), Márcia Lopes; das deputadas estaduais Neusa Cadore, Fabíola Mansur, do representante do Conselho Nacional de Assistência Social, Fábio Brune; Maria Ivelonia, do MDS; e outras autoridades.

"Aproveitem esses três dias para pensar ações coordenadas na luta da manutenção de direitos. Assistência social é para as pessoas que mais precisam e é isso que o nosso governo tem feito através de ações, como o aumento do cofinanciamento e manutenção de direitos. Mas temos que lutar contra os cortes que vem sendo implantados pelo Governo Federal", disse o secretário Carlos Martins.

Desafios dos eixos estruturantes

Ao longo do dia, as delegadas da conferência lotaram o auditório Salvador do Gran Hotel Stella Maris para acompanhar debates e palestras sobre assistência social. A principal palestra foi dada pela ex-ministra de Desenvolvimento Social na gestão do ex-presidente Lula, Márcia Lopes. Ela apresentou um panorama da atual situação da assistência social em relação aos eixos estruturantes do SUAS conclamou a luta pela manutenção de direitos em defesa do sistema.

Ainda durante o ato de abertura, a SJDHDS lançou uma cartilha para beneficiários do BPC para facilitar o acesso ao Passe Livre. A ação é uma parceria entre as superintendências de Assistência Social (Sas) e dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Sudef).

O evento também contou com apresentações culturais do quarteto de cordas do Neojiba e de um grupo de teatro da cidade de Nova Canaã.

A Conferência, que segue até a próxima sexta-feira (10), vai apontar as delegadas baianas que representarão o estado na Conferência Nacional. Nesta quinta (09), as delegadas da conferência se reúnem em grupos de eixos temáticos.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.